fbpx

Nem todos sabem a diferença entre marketplace e loja virtual, pois ambos são canais de venda pela internet. Contudo, apesar de serem semelhantes, apresentam significativas diferenças.

 

De acordo com o E-bit e ABComm, o faturamento dos negócios virtuais foi superior a R$ 41,3 bilhões em 2015, e para 2016 a previsão de crescimento é de 18% em relação ao ano anterior.

 

Nesse cenário promissor, trouxemos no post de hoje informações relevantes para você entender tanto os marketplaces quanto as lojas virtuais, descobrindo também as vantagens de cada um desses formatos. Acompanhe!

Diferença entre marketplace e loja virtual

Em linhas gerais, loja virtual é um modelo de negócio de uma única marca, enquanto o marketplace é semelhante a um shopping center, em que vários vendedores estão reunidos para comercializar em um só portal.

 

Se você deseja mais profissionalismo e acredita no seu negócio, então é recomendado pensar em uma estrutura própria

 

Em uma loja virtual, há um controle total dos códigos, da hospedagem, das melhorias e integrações. A personalização e a gestão são livres!

 

O marketplace é uma excelente ferramenta para iniciar suas vendas, devido a uma série de fatores. A infraestrutura vem pronta e começar a vender é bem fácil: basta fazer um cadastro, anunciar seus produtos(de graça ou pagando uma taxa para que eles tenham maior visualização dentro da plataforma) e aguardar os clientes começarem a comprar.

 

Vale dizer, contudo, que alta competitividade dos marketplaces pode fazer com que a sua marca perca um pouco da visibilidade. Afinal, diante de tantas opções, nem sempre o cliente consegue chegar até a sua, a não ser que você pague para obter tal serviço.

 

Dito isso, a grande questão aqui é a imagem que você deseja passar para o seu cliente. Talvez seja mais interessante utilizar essas plataformas como apoio, mas não como a sua loja principal.

 

Agora confira mais aprofundadamente as vantagens do Marketplace e da loja virtual própria!

 

Leia este post e aprenda mais sobre o Marketplace, suas características e importância para o e-commerce!

Vantagens do Marketplace

  • Visibilidade

A visibilidade de um marketplace é superior à de uma loja virtual. Isso ocorre porque os marketplaces investem em divulgação e apresentam um leque maior de produtos (e vendedores) quando comparado a um e-commerce, que precisa de tempo para amadurecer e consolidar a marca junto ao consumidor.

 

Um marketplace pode contabilizar milhões de acesso por mês, o que dificilmente ocorre com uma loja virtual com menos de seis meses de mercado. É como comparar uma pequena lojinha na rua com um grande supermercado em que os consumidores estão mais propensos a comprar.

 

  • Baixo investimento

Lembra da parte da divulgação feita pelo marketplace? Você não paga a mais por ela. Nem por isso, nem por questões relacionadas a segurança, tecnologia da informação entre outros fatores que deveriam ser pagos por uma loja virtual.

 

  • Crescimento da marca

Dentro de um marketplace a marca pode criar conteúdo exclusivo, fazer promoções e traçar uma estratégia de crescimento, principalmente por ter custos que você conseguirá prever. Dessa forma, é possível estabelecer metas escaláveis e chegar até elas.

 

  • Aumento das vendas

Além disso, o marketplace oferece uma grande oportunidade do aumento de vendas do seu negócio. As chances de alcançar clientes realmente interessados nos seus produtos é muito maior.

 

Você sabe exatamente o que é marketing digital, como ele funciona e quais os seus benefícios para seu e-commerce? Leia nosso post para aprender tudo sobre o assunto

Vantagens da Loja virtual

  • Maior alcance de consumidores

A loja virtual permite aumentar o alcance da marca em relação ao marketplace. Isso porque é possível trabalhar apenas com a imagem de sua marca de forma mais exclusiva, investir em SEO e outras técnicas de marketing especificamente, sem ter que dividir com outros vendedores.

 

  • Maior possibilidade de personalização

Uma loja virtual permite que o gestor possa modificar o layout, adicionar ferramentas, entre outras medidas personalizadas para o seu público-alvo — algo que nem sempre é possível em um marketplace.

 

  • Maior margem de lucro

Isso vai variar conforme os custos de plataforma e a manutenção. Contudo, geralmente as margens de lucro são maiores em uma loja virtual do que no marketplace por não haver intermediadores.

 

  • Menor custo de manutenção

Comparado a uma loja física, a loja virtual demanda menos custos, uma vez que não há vendedores, não há o custo de manter um ponto, entre outros. Também é possível automatizar processos (inclusive de marketing), ganhando tempo e trazendo dinamismo ao negócio.

 

Em suma, a diferença entre o marketplace e a loja virtual está relacionada aos recursos e à visibilidade que eles oferecem. Você pode optar por ambos ou aquele que mais se encaixe em suas necessidades mercadológicas e investimentos disponíveis.

 

Porém, sabemos que nada é perfeito, não é? Vender em marketplaces pode fazer sua marca perder a personalidade e uma loja virtual pode ser bastante trabalhosa. Então, confira também algumas desvantagens destes dois modos de venda pela internet! 

 

Vender em um Marketplace pode ser ótimo para seu negócio mas é preciso estar atento às suas vantagens e desvantagens. Saiba aqui!

Desvantagens do Marketplace

  • Dependência

A dependência gerada para as empresas que estão inseridas nesse modelo de comércio é um fator que pode e deve ser considerado negativo. A mudança de regras, aumento das taxas, porcentagem sobre vendas e comissões podem fazer seu orçamento estourar e chegar no vermelho. Se sua renda depende somente dos marketplaces, você acaba sendo obrigado a se enquadrar nessa situação onde o marketplace define seus custos e variação

 

  • Perda de personalidade

Mesmo que o marketplace identifique a sua loja na hora da venda, o cliente, ainda assim, estará comprando o produto do marketplace e não da sua loja virtual.

 

Fixar a marca na mente do consumidor e gerar uma recompra nessa etapa é mais complicado considerando que, você basicamente não trabalha a personalidade dela já que isso é bastante difícil nos marketplaces.

 

  • Alta concorrência

No marketplace, a concorrência pelos preços mais baixos será bem acirrada, fazendo com que se especializar em seu produto e entender bem a demanda de seu cliente seja um fator a mais para driblar tal concorrência.

Desvantagens do e-commerce

  • Requer investimento em marketing

Diferente do marketplace, onde os clientes surgem, a sua loja virtual precisará de um empurrãozinho para atrair visitantes e possíveis clientes. Esse ‘’empurrãozinho’’ são as campanhas de divulgação e marketing.

 

O marketing pode ser feito de jeitos quase infinitos e pode depender de acordo com cada negócio. Além disso, ele pode ser não ser tão simples sempre e requer certa pesquisa para dar certo!

 

  • É necessário um planejamento

É grande a importância do planejamento estratégico para um e-commerce: mostra qual caminho seguir, permite analisar o mix de produtos, traz mais assertividade, além de preparar a empresa para as crises externas. 

 

Tem como objetivo transportar a empresa de seu estado presente até o lugar em que ela gostaria de estar no futuro, sempre procurando evoluir.

 

Está na hora de dar o primeiro passo e finalmente criar sua loja virtual!

 

Não se esqueça de inscrever em nosso blog. Toda semana temos vários posts com muitas dicas e novidades para fazer o seu negócio ir a mil! Siga a gente em nossas redes sociais também:  TwitterFacebookInstagram eYouTube.


Comentários

Comentários

Equipe iSET
Somos os maiores especialistas em e-commerce no Brasil! Quer começar sua loja virtual? Fale conosco.
Post criado 193

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
snowflake snowflake snowflake snowflake snowflake snowflake snowflake snowflake snowflake snowflakeWordpress snowstorm powered by nksnow