fbpx

Considerando o grande aumento da demanda na Black Friday, como já sabemos, e consequentemente da concorrência, é cada vez mais necessário saber como destacar seu negócio no mercado digital.

 

Pensando nisso, a Black Friday e o marketing digital devem ser ações aliadas. Já que, para conquistar resultados expressivos no e-commerce, é necessário desenvolver estratégias que não só despertem o interesse do usuário, mas que diferencie você dos concorrentes. Afinal, a sua loja virtual não deve ser apenas mais uma no mercado.

 

Fato é que durante a Black Friday, o cliente quer ter acessos a itens exclusivos com uma ótima relação de custo-benefício. Em outras palavras, ele quer adquirir aquele item tão desejado, mas por um preço bem em conta. Contudo, não basta apenas isso, até porque o primeiro passo é fazer com que o usuário chegue ao seu negócio online, certo?

 

Interessou-se pelo assunto e quer saber ótimas dicas de marketing digital para a Black Friday?

 

Veja a seguir algumas dicas imprescindíveis para preparar seu e-commerce para a Black Friday. Apostar em estratégias de marketing digital, neste caso, pode fazer toda a diferença para as suas vendas do período (e posteriormente também), vamos lá!

1- Analise seus dados anteriores

Caso já tenha participado das edições anteriores, possivelmente algumas informações foram armazenadas. Reúna todos os dados referentes às vendas concretizadas, conversões e comportamento do consumidor. A análise vai ajudar a entender o que funcionou bem e o que precisa ser revisto nesta edição.

 

Procure por: quantidade de vendas concretizadas; taxa de rejeição; acessos (total e número de acessos simultâneos); conversões; total vendido e o lucro e ROI das ações de marketing.

 

O objetivo desse histórico é apontar o caminho a seguir, prever as ações do e-commerce, antecipar-se às necessidades do consumidor, entre outras possibilidades.

2- Comece o planejamento desde já

Quando a Black Friday surgiu no Brasil, muitos varejistas com más intenções maquiaram os preços para que eles parecessem menores durante a data, criando a famosa “Black Fraude”. O que acontece é que cada vez mais as pessoas estão atentas ao que é “maquiado” e ao que é realmente um bom desconto.

 

Por isso, não tente enganar as pessoas, ofereça realmente descontos incríveis e suas vendas serão um sucesso! Fazer isso pode acabar com a reputação da sua loja virtual e prejudicar o seu negócio não só na Black Friday, mas em outros eventos também!

 

Também não deixe para calcular os descontos e até mesmo a mecânica das promoções em cima da hora. Pelo contrário: comece agora mesmo a analisar o setor financeiro, verificando qual o fluxo do caixa e, claro, a viabilidade de realizar uma oferta realmente atrativa.

 

Nesse sentido, é importante descobrir qual a melhor forma de diminuir os preços. Se é, por exemplo, pelo preço total da venda ou pelo número de peças adquiridas. Além do mais, coloque em pauta a questão do frete. De nada adianta colocar um preço imperdível, mas o cliente terá que pagar duas vezes o valor do produto para o transporte.

 

Portanto, o planejamento com antecedência pode evitar erros e melhorar suas estratégias, pense nisso!

 

Neste post, veja 7 dicas para começar o planejamento do seu negócio e fazê-lo crescer.

3- Revise o SEO do seu site

Estratégias de marketing digital para e-commerce são sinônimo do combo “marketing de conteúdo + técnicas de SEO”. Por isso, a criação do conteúdo deve estar diretamente relacionada a princípios de SEO, capazes de contribuir com a visibilidade do site no Google.

 

O primeiro passo é analisar a estrutura do site no que diz respeito a títulos, descrições de produtos, URLs e conteúdos relacionados. É preciso garantir, por exemplo, que, em cada página, seja utilizada a palavra-chave principal no título, nas descrições, nos subtítulos e também na URL.

 

Além disso, vale pesquisar as palavras-chave genéricas mais buscadas para o período (por exemplo, “Black Friday 2020” ou “promoção Black Friday”) e utilizá-las em conjunto com palavras-chave específicas, que estejam diretamente relacionadas ao segmento do seu e-commerce.

 

Apostar em palavras-chave estratégicas contribui não apenas para aumentar a visibilidade frente à concorrência no Google, mas também para atuar em áreas onde usuários estão mais direcionados e propensos a converter.

4- Invista nas redes sociais

Transforme as redes sociais nas suas fortes aliadas na Black Friday. Lembre-se de que não é suficiente ter produtos de qualidade com preços atrativos, mas pecar na divulgação.

 

Como a população, em geral, está cada vez mais conectada, nada mais sábio do que divulgar suas promoções no Facebook, Instagram, Twitter e onde mais faz sentido para o público do seu negócio online. 

 

Para turbinar a ação, crie campanhas utilizando as famosas hashtags. Com essa simples atitude, você conseguirá aumentar o alcance de usuários e converter mais cliques em vendas.

 

Quer descobrir como fazer sua loja virtual bombar em vendas no Instagram? Então, confira nossas dicas!

5- Use o e-mail marketing

O e-mail marketing é outra estratégia muito útil que é capaz de despertar a curiosidade dos clientes e efetivar mais negócios durante a Black Friday, é enviar um e-mail marketing. Essa ação é prática, rápida e vai transmitir a mensagem adequada para as pessoas que, de fato, têm interesse pela marca.

 

Para não ter erro, capriche no visual do e-mail, elaborando uma mensagem atrativa. O título também merece atenção especial — ele é a porta de entrada para o cliente abrir ou não o e-mail. Vale a pena também enviar um cupom especial de desconto exclusivo para a Black Friday.

 

Nós sabemos que o e-mail é um aliado muito forte para as vendas, por isso que tal aumentar sua lista e promover o engajamento através dela?

 

Para isso, ofereça conteúdo de qualidade para as pessoas que assinaram sua newsletter e comunique a elas que você está preparando ofertas incríveis para a Black Friday 2020. Todo brasileiro ama descontos, por isso, aproveite da força que a data oferece, converse com sua audiência e arrase nas vendas!

 

Neste post, conheça mais sobre o e-mail marketing e como ele pode mudar a visão dos seus clientes em relação ao seu negócio!

6- Invista na sua loja virtual

Com tanto tráfego durante a Black Friday, pode acontecer de o site travar e ficar lento — isso quando ele não fica fora do ar. O resultado? Perda de negócios promissores. Não à toa, é essencial garantir a estabilidade da plataforma do e-commerce. Por isso, certifique-se com o profissional da área se o site está adequado e conseguirá atuar com uma boa performance no período da promoção. Não deixe que problemas técnicos sejam um empecilho.

7- Controle o estoque

Imagina só ter uma alta demanda de um produto, mas não possuir a quantidade necessária para entregar ao cliente. Então, fique alerta em relação ao número de itens disponíveis no estoque. Não caia na armadilha, por exemplo, de vender mais mercadorias do que você tem de pronta entrega.

 

O ideal, nesse contexto, é acompanhar de perto a logística do seu e-commerce, mantendo o sistema de estoque atualizado — não só durante o Black Friday, mas sempre.

 

Acredite: para sair na frente da concorrência e obter resultados significativos, além de colocar em prática as sugestões citadas, é necessário desenvolver um planejamento estratégico, capaz de orientar as suas ações e campanhas.

8- Ofereça uma experiência diferenciada

Você com certeza já tem alguns clientes fidelizados, aquela audiência que sempre volta para comprar com você, certo? Então, por que não conceder a eles um desconto ainda melhor do que aquele que será oferecido para quem nunca comprou nada de você?

 

Aproveite a Black Friday para dar um mega desconto às pessoas que fazem parte da sua lista de e-mails ou para aquelas que curtiram sua fanpage, por exemplo.

 

Existem diversos fatores que ajudam a determinar uma boa experiência de compra, e é por isso que neste post, apresentamos 14 dicas essenciais para você utilizar em seu e-commerce!

9- Invista em Anúncios Patrocinados

O Google Adwords e o Facebook Ads podem te ajudar bastante na Black Friday. Se você tem uma fanpage, promova suas ofertas e descontos para as pessoas que curtiram sua página. A disputa no leilão no AdWords certamente estará alta, mas se você souber trabalhar bem as palavras-chave que utilizará para anunciar no Google, é possível conseguir um bom ROI.

 

Use a criatividade na hora de criar suas campanhas de anúncios e otimize-as, descartando os anúncios que não geram resultado. Posts patrocinados no Twitter também podem trazer bons resultados, uma vez que durante a Black Friday, muitas pessoas fazem uso de hashtags para encontrar descontos, por isso, faça o teste!

10- Escolha os produtos certos para entrarem na promoção

Para garantir sucesso na Black Friday, é preciso selecionar produtos específicos que devem entrar em promoção, assim como definir quais deles precisam ser estocados em maior quantidade.

 

Uma boa dica é determinar as ofertas da Black Friday de acordo com a procura pelos itens em dias normais. Por exemplo, não vale a pena colocar em promoção, por um preço muito baixo, um produto que venderia tranquilamente em dias comuns.

 

Nesse sentido, é mais interessante reservar preços promocionais para produtos menos procurados no dia a dia ou para itens nos quais seu e-commerce compete diretamente com a concorrência – nesse caso, negocie com fornecedores e reforce o estoque!

 

Powered by Rock Convert

 

Vale lembrar que as promoções de Black Friday devem ser significativas, com preços agressivos. Nada daqueles pequenos descontos, como 5% ou 10%. A ideia é baixar as margens e ganhar no volume. Muitas lojas optam por “combos”, que são ofertas com kits de produtos combinados a preços bem atrativos e com frete grátis.

 

Quanto à estocagem, não compre em grande quantidade do fornecedor uma mercadoria que não terá saída no período. A menos que haja excelentes condições especiais na aquisição e você possa abaixar muito o preço, garantindo, ainda assim, um bom lucro.

11- Pense na jornada de compra do cliente

Conhecer o caminho que os usuários percorrem no seu e-commerce é fundamental para entender o que funciona, o que não funciona e o que ainda pode ser potencializado no seu negócio.

 

Por isso, esteja atento a dados como abandono de carrinho e taxa de rejeição, e tenha em mente que a experiência do cliente é um dos aspectos mais importantes para garantir bons resultados na Black Friday (e em qualquer outra data).

 

Crie conteúdos verdadeiros e úteis, que respondam a possíveis dúvidas do consumidor e que deixem claras as informações sobre seu e-commerce e sobre os produtos. Invista nas redes sociais, mas não deixe de lado o conteúdo do próprio site.

 

Isso contribui para que o cliente fique seguro ao fazer a compra, já que ele terá que escolher o produto à distância. Além disso, é importante também para evitar inseguranças relacionadas à chamada “black fraude”.

 

Por fim, garanta a integração dos canais (redes sociais, site, newsletter, etc), utilize as redes sociais como “vitrines” e lembre-se de criar uma comunicação de Black Friday com antecedência, para preparar seu público para a data.

 

Existem diversos fatores que ajudam a determinar uma boa experiência de compra, e é por isso que neste post, apresentamos 14 dicas essenciais para você utilizar em seu e-commerce!

 

Powered by Rock Convert

12- Aproveite para aumentar sua lista de leads e conhecer mais seus clientes

Uma das principais dicas da Black Friday é aproveitar o evento para coletar informações sobre prospects e leads. Dessa forma, fica mais fácil entender quem são seus potenciais clientes, quais são as dificuldades que enfrentam na hora da compra, o que procuram, etc.

 

Por isso, inclua no site: formulários, botões de cadastro para Newsletter, pesquisas de satisfação ou outras formas de fazer com que os usuários deixem informações importantes sobre eles, para que você crie uma base de dados e conheça a jornada de compra dos seus consumidores.

 

Pode ser que pareça invasivo solicitar dados pessoais logo no primeiro acesso. Nesse caso, uma boa opção é começar pedindo apenas nome e e-mail e, na próxima oportunidade, solicitar informações mais específicas para completar o cadastro.

 

O importante é saber quem são seus consumidores e entender seus interesses e dificuldades, para garantir proximidade e um atendimento cada vez mais personalizado.

 

Não se esqueça de inscrever em nosso blog. Toda semana temos vários posts com muitas dicas e novidades para fazer o seu negócio ir a mil! Siga a gente em nossas redes sociais  também:  Twitter,  Facebook,  InstagramLinkedIn YouTube.


Comentários

Comentários

Giovanna Quaresma
Graduando Letras na UFMG, estagiária no time de Marketing e Comunicação na iSET e amante de gatos.
Post criado 128

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo