Case-de-sucesso-da-loja-Relva-Verde-1160x653

Tudo começou com a última atualização do algoritmo do Google: o Google Bert.

A maioria dos lojistas não deram atenção para essa atualização, a maioria das plataformas de e-commerce não deram importância para o Bert.

Mas o que eles não sabiam era que o Bert afetaria 1 em cada 10 termos de busca.

Caso você ainda não saiba o que é o Google Bert, irei fazer uma breve explicação.

 

1- O que é o Google Bert?

 

 

O Google Bert foi a maior atualização do mecanismo de busca desde que lançou o RankBrain em 2015. Ou seja, essa atualização impactou grande parte dos e-commerces.

Se você ainda não foi impactado, é provável que ainda seja.

Basicamente, essa atualização foi feita para o Google poder entender melhor o processamento de linguagem natural.

 

 

Para você entender melhor o que isso significa, agora o Google leva em consideração preposições como “para” ou “a”, que podem ter diversos significados no termo de busca. Isso é apenas um exemplo…

Ok, mas isso afetaria as lojas virtuais?

 

2- Ranking de posicionamento

O Google Bert tornou necessário que os sites revessem suas estratégias de SEO e isso inclui as lojas virtuais também.

Essa atualização teve mudanças profundas no algoritmo do Google. Várias lojas presenciaram seus sites caindo nos rankings de resultados do mecanismo, chegando a ter metade dos acessos orgânicos por mês.

As lojas que não estavam de acordo com o novo algoritmo perderam muitos acessos. E esse é o caso da Loja Relva Verde.

“Em dezembro de 2020, nosso site despencou”, conta Jobert Castro dono da Loja Relva Verde que nos deu um depoimento sobre como sua loja virtual foi impactada pela atualização do Google.

 

Jobert Castro e Alessandra Castro

 

Jobert conta que chegou a perder mais de 80% dos acessos na loja virtual. “Os impactos nas vendas não foram tão grandes graças ao nosso relacionamento com nossos clientes recorrentes”.

Além disso, o empreendedor continuou investindo bastante em marketing pago. Foi a única saída a curto prazo que o lojista teve para manter a atração de novos clientes para o site.

Nessa situação desesperadora, onde sua loja “praticamente desapareceu do Google”, Jobert conta “eu pesquisei no mecanismo de busca e fui olhando até a página 10 e minha loja não tava lá, ela não aparecia”.

“Eu estava sempre trabalhando na qualidade dos meus produtos e conteúdo e, do nada, isso aconteceu”. Como se fosse da noite para o dia, o site perdeu 79,7% dos acessos orgânicos do mês de outubro para o mês de dezembro de 2020.

 

3- Mudanças de estratégias de conteúdo

Vendo isso acontecer com seu empreendimento, Jobert procurou entender melhor do que se tratava a atualização.

Em 2018, quando o Google realmente começou a falar sobre a atualização, foi-se apenas exposto que o Google Bert tratava-se de uma tecnologia de inteligência artificial que analisa a linguagem humana natural.

Mas isso ainda abre espaço para muitas especulações. Desde então o Google vem fazendo reports que possibilitam entender melhor o novo algoritmo lançado.

Ele começou a funcionar efetivamente no último semestre de 2019, mas gradativamente, sendo aplicado inicialmente em apenas 10% das buscas.

Mas foi avisado que os outros algoritmos que já haviam sido utilizados pelo mecanismo de busca continuariam funcionando, porém o Bert veio como uma ferramenta complementar que cada vez mais iria ganhando mais força.

Porém, tudo isso são informações muito rasas que não ajudavam muito o lojista a traçar novas estratégias para melhorar a situação do seu posicionamento no Google.

“O Google não dá explicações precisas, tudo é especulação” diz Jobert sobre os especialistas de SEO que fazem testes e teorias para entender o novo algoritmo e como seguí-lo para rankear melhor.

Nessa situação obscura, Jobert Castro procurou aprender ainda mais sobre SEO e, nessa nova etapa, começou uma série de novas ações para melhorar a situação da sua loja virtual.

 

Neste post, veja 7 dicas para começar o planejamento do seu negócio e fazê-lo crescer.

 

4- Migração do blog Relva Verde

O primeiro passo da Loja Relva Verde foi começar a migração do blog e foi aí que começou a sua jornada para uma grande mudança que viria apenas alguns meses depois.

 

O projeto inicial então foi a migração do blog para a plataforma da sua loja virtual, a iSET. Antes, o blog Relva Verde estava no WordPress.

Foram 10 anos usando o WordPress para o blog da loja, com centenas de posts, artigos e receitas.

Tudo isso foi sendo migrado lentamente para o novo blog criado dentro da loja virtual hospedada na iSET. Essa migração de conteúdo foi iniciada em fevereiro de 2021, começando com alguns testes e depois os redirecionamentos das URLs.

Essa foi uma ação importante para as estratégias de SEO que estavam sendo traçadas, porém bastante lenta e trabalhosa. Foi algo que não causou muito impacto na questão dos acessos da loja ou no seu próprio rankeamento, o nível de acessos orgânicos ainda era muito baixo comparando com o início do ano de 2020. Afinal, era uma ação que traz benefícios apenas a longo prazo.

 

5- Novas estratégias para uma mudança real

Sendo assim, Jobert separou diferentes ações que achou que poderiam realmente mudar o rumo que seu negócio estava tomando.

Prezando pela humanização

A primeira delas foi feita visando atingir positivamente os novos requisitos que o Google Bert trouxe, o principal deles: humanização.

Portanto, analisando sua própria loja virtual, o empresário pôde ver que não usava títulos e descrições tão humanas. Tudo era muito comercial, não muito focado realmente na experiência única para o cliente.

 

Existem diversos fatores que ajudam a determinar uma boa experiência de compra, e é por isso que neste post, apresentamos 14 dicas essenciais para você utilizar em seu e-commerce!

 

Pensando nisso, começou a alterar os meta titles e meta descriptions da loja virtual, optando por textos cada vez mais simples, óbvios, concisos e muito mais humanizados. Tudo isso levou cerca de um mês para ser realizado: em abril, todos os produtos já haviam tido os seus títulos e descrições modificados.

 

 

“Isso gerou mais resultados, mas não muito retorno”, comentou Jobert em nossa entrevista.

Cuidado com as palavras

A terceira ação dessa etapa de mudanças foi feita quando o empresário percebeu que o Google não quer ajudar a divulgar informações falsas sobre saúde pela internet e, por isso, sites com este tipo de conteúdo têm perdido relevância em indexação no mecanismo de busca, principalmente se essas informações estão atreladas a produtos. Isso muda muita coisa.

Isso quer dizer que é preciso tomar muito mais cuidado com as palavras e termos que são usados na loja. É preciso ser 100% sincero com os clientes, “quando você é desonesto, você é desonesto só uma vez. Seus clientes não vão voltar”, diz Jobert.

Além da própria Anvisa, o Google também verifica todos os termos que são usados nas lojas virtuais que vendem remédios, suplementos e outros produtos do tipo. Selos e documentações também são conferidos.

Por isso, Jobert também começou a verificar esses detalhes em sua loja. Por exemplo, na descrição do produto onde fala de seus benefícios, sempre usar frases como “esse produto pode ajudar nisso…”. Com isso, foi necessário revisar novamente todas as informações dos seus produtos na loja: ler, reler, revisar, refazer…

 

 

Utilização de novas ferramentas auxiliares

Enquanto essas mudanças importantes foram sendo feitas, o empresário decidiu acompanhar o Google Search Console.

O Google Search Console é um serviço gratuito do Google que permite a verificação do status de indexação e otimização para a visibilidade de seus sites.

Então, com acesso à essa ferramenta, Jobert começou a realizar todas as práticas indicadas pelo recurso para melhorar ainda mais sua loja virtual. Algumas das ações foram diretamente ligadas à questão de informações terapêuticas, por exemplo: foi preciso remover algumas tags delicadas (cuidados com a pele, cuidados com o cabelo, para peles oleosas, etc), pois talvez a Relva Verde estivesse sendo punida pelo Google por isso.

Além disso, também foi preciso melhorar o Pagespeed da loja virtual. O Pagespeed do Google analisa o conteúdo das páginas da Web e gera sugestões para deixá-las mais rápidas.

“A atualização da iSET ajudou muito isso, pois melhorou muito o Pagespeed da minha loja”, relata Jobert Castro.

 

Mudando configurações da plataforma

Seguindo as indicações das duas ferramentas, Google Search Console e Pagespeed Insights, surgiu um novo problema.

Haviam buscas da sua loja virtual sendo indexadas sem nenhum produto da Relva Verde. O que fazia com que muitas URLs da loja virtual fossem geradas, pois todos os resultados de busca em categoria ou termo fossem indexados, mesmo que não levassem a nenhum resultado de produto.

Com isso, usuários acessavam essas páginas pelo Google e não encontravam nada, fazendo com que eles abandonassem o site rapidamente, o que é um fator de rankeamento negativo muito importante para o Google.

Percebendo esse grande problema, Jobert desabilitou as opções que permitiam isso na sua loja virtual. Dentro da plataforma, basta acessar o menu lateral do painel administrativo da loja e clicar em “Configurações >> SEO >> Configurações de Indexação” e desmarcar as duas primeiras opções:

 

 

 

 

Com isso, a quantidade de URLs do seu site foi diminuída drasticamente. Haviam muitas páginas sem conteúdos otimizados, o que impactava diretamente no bom rankeamento do seu site em geral.

 

6- O crescimento de 471,28%

Depois dessa simples modificação, Jobert solicitou a revisão do seu site pelo Google para que a indexação fosse reavaliada. A solicitação foi enviada na noite de 29 de junho.

No dia seguinte, quarta-feira, dia 30 de junho, tudo mudou. Da noite para o dia, os acessos orgânicos da Loja Relva Verde mais que dobraram.

Na segunda-feira, 5 de julho, a plataforma iSET lançou mais uma atualização com foco nas novas diretrizes do Google.

E os acessos orgânicos da Loja Relva Verde, acredite ou não, cresceram 471,28% nesse mês. “Foi inacreditável, no outro dia nosso site estava recebendo mais acessos que nunca!”.

 

 

Com tudo isso, os posts do blog migrados para a loja virtual ganharam muito mais destaque e começaram a gerar muito resultado para o site.

Com a diminuição da quantidade de URLs, as páginas com maior qualidade receberam mais prioridade pelo Google, que percebeu que a Loja Relva Verde tinha melhores URLs para serem indexadas.

Além disso, a empresa presta seus agradecimentos para a Agência Nitrum, que atuou diretamente nas estratégias de SEO da Loja Relva Verde.

E, mesmo com essa grande vitória e reviravolta para o seu negócio, Jobert não parou de inovar e se preocupar com a experiência de seus clientes.

Começou a produzir vídeos e tutoriais para o YouTube seguindo estratégias de SEO. Lançou sua conta no TikTok e manteve seu perfil no Instagram mais ativo.

Além de manter sempre a preocupação com a humanização de seus serviços e conteúdos, melhorando sua reputação online e confiança com os consumidores. Um exemplo a ser seguido!

Leia também:

 

Não se esqueça de inscrever em nosso blog. Toda semana temos vários posts com muitas dicas e novidades para fazer o seu negócio ir a mil! Siga a gente em nossas redes sociais também: Twitter, Facebook, Instagram, LinkedIn e YouTube.

 

Google BERT: o que é? Como funciona? Como fazer SEO agora?


Comentários

Comentários

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on email

Não perca nenhuma novidade!

Inscreva-se em nossa newsletter para receber em seu e-mail as novidades e posts recentes da iSET

Novidades iSET

Nossas redes sociais