criar-site-vendas-do-zero

Nesse artigo você vai aprender:

Você sabe porque e como criar um site de vendas para impulsionar seu negócio?

Já ficou claro que o e-commerce está se destacando como um dos melhores mercados para investimentos futuros, atraindo várias pessoas empreendendo por necessidade ou por oportunidade.

Fato é que, muitas vezes, o processo de montar um site de vendas pode ser confuso, e também possuir detalhes que fogem do conhecimento de quem se propõe a criar uma loja virtual, resultando em surpresas desagradáveis.

Para te ajudar a ter uma boa experiência durante o seu processo para montar um site de vendas de sucesso, elaboramos um passo a passo para você aprender como criar um site de vendas do zero.

1. Elabore seu plano de negócios

Para iniciar um negócio físico é necessário muito estudo e planejamento, e com o site de vendas não seria diferente.

Antes de tudo você deve definir todas as informações relevantes para a concretização do negócio. Uma boa ferramenta que pode auxiliar neste processo é o Modelo de Negócios Canvas.

 

criar-site-vendas-zero

 

O correto preenchimento do mesmo garantirá um mapa para as primeiras ações do seu negócio, como, por exemplo, definir seu mix de produtos, o público alvo ou a persona, quanto e quais serão os custos.

Outro passo importante do planejamento é decidir se será criado um CNPJ para a realização das vendas ou não, tendo em vista que, o registro da loja e as vendas podem ser realizados por pessoas físicas ou jurídicas.

2. Registre um domínio

O domínio é a identificação do seu site e, muitas vezes, o primeiro contato do cliente com a sua loja, por isso, é importante que seu domínio tenha uma boa indexação, seja de fácil memorização, curto e se possível igual ao nome da sua loja.

 

criar-site-de-vendas-do-zero-url

 

O melhor domínio para a sua loja é o nome dela. Caso isto não seja possível, você pode usar uma abreviação ou quem sabe um nome similar.

Os domínios são registrados por diversas empresas, como, por exemplo: Registro.br, HostGator e LocaWeb, e possuem custos variados para manter o registro no ar. No momento de realizar o cadastro é informado se a identificação pretendida está disponível ou não.

3. Elabore um planejamento logístico

Este é um dos principais pontos a serem definidos, tendo em vista que, geralmente o frete é o fator decisivo para os clientes optarem entre uma loja e outra.

 

 

A primeira coisa que deve ser acertada é o seu fornecedor, ele precisa ser alguém de confiança que irá entregar um produto de qualidade e tenha sempre disponibilidade para sua demanda, afinal, uma boa relação com o fornecedor, evita as perdas de vendas por falta de estoque.

Posterior a isso, é necessário definir em quais regiões serão efetuadas as entregas e estabelecer as dimensões e peso dos produtos, para saber qual tipo de integração de frete será adequada para a sua necessidade, vale lembrar que, a grosso modo, existem três possibilidades de frete:

  • Correios;
  • Transportadoras;
  • Gateways de Frete.

 

Além do preço e tempo de entrega, o zelo e o cuidado com a embalagem também ganham pontos com o cliente, que ao receber o produto ficará satisfeito com a atenção depositada no produto e se sentirá motivado a realizar novas compras no seu site de vendas.

4. Escolha as formas de pagamento

É interessante escolher opções de pagamento com as quais o cliente se sentirá seguro em fornecer os dados para a loja, escolhendo preferencialmente uma plataforma de pagamento que tenha o checkout transparente.

Outro ponto a se considerar são as taxas praticadas por cada intermediadora de pagamento, lembrando que cada taxa, encargo e valores de serviços pagos por você, podem influenciar no preço dos seus produtos.

Fique atento na facilidade de pagamento! Quanto maiores os obstáculos para concluir a compra, maiores as chances do seu cliente deixar de comprar na sua loja.

Ferramentas como one page checkout, por exemplo, são excelentes para agilizar a compra e torná-la ainda mais rápida, visto que o cliente pode concluir a compra em apenas uma página.

 

criar-site-de-vendas-do-zero

5. Escolha uma plataforma de e-commerce

A plataforma de e-commerce é a alma do seu negócio virtual, portanto, é necessário fazer uma escolha assertiva, considerando, as informações obtidas no plano de negócios e os diferenciais disponíveis no mercado.

Ao optar entre uma empresa e outra para desenvolver o site de vendas, além de se basear nos custos, é importante também comparar:

  • Suas possibilidades de personalização;
  • Se possui uma interface amigável;
  • A praticidade de configuração e alterações;
  • Um suporte ao cliente que seja atencioso e eficaz;
  • Possuir todos os recursos e integrações necessárias para o bom funcionamento da loja virtual;
  • Capacidade para escalabilidade, ou seja, se consegue acompanhar o crescimento do seu negócio, etc.

 

Antes de fazer a contratação da plataforma é interessante entender o momento em que se encontra o seu negócio para auxiliar na escolha, tanto da plataforma, quanto do plano a ser contratado na empresa escolhida.

Por exemplo, se o seu negócio ainda está em fase de estruturação não existe a necessidade de opções avançadas ou até mesmo intermediárias.

 

6. Configure o seu site de vendas

Após contratar a plataforma, é necessário configurar o seu site de vendas.

Em relação ao layout, é importante deixar seu site de vendas responsivo, atrativo e intuitivo, seu template deve facilitar a navegação dos visitantes e exibir todas as informações pertinentes à compra.

 

 

Uma loja com layout bem configurado passa mais credibilidade, confiança e profissionalismo aos clientes, por essa razão, é tão importante escolher uma plataforma que ofereça opções de personalização completas e de fácil implementação.

Cadastrar os produtos é uma das etapas mais importantes, afinal de contas, eles são a razão de tudo isso, é interessante escolher fotos que permitem uma boa visualização do produto, de boa qualidade e sem cortes.

Aliado a isso, para garantir uma boa indexação nos resultados de busca, é preciso fazer uma descrição completa dos produtos, sem copiar de outros sites.

 

7. Comece seu plano de marketing digital

Após ler todos esses passos você já está pronto para montar a sua loja virtual, porém, lembre-se: não adianta investir tempo e dinheiro, desenvolver uma loja linda e completa, se não houver tráfego de visitas.

Portanto, após finalizado todo o processo de montar o site de vendas do zero, é necessário iniciar o processo de marketing e divulgação, para garantir que as suas visitas e a sua taxa de conversão, aumentem cada vez mais.

 

 

Criando um plano de marketing digital, você vai registrar seus objetivos, seus concorrentes, ações que serão aplicadas, público-alvo e persona, ferramentas a serem utilizadas e todos os outros detalhes importantes para a execução das campanhas de marketing da sua loja virtual.

O planejamento é fundamental para saber o que deve ser feito para alcançar o sucesso desejado.

Depois disso, é só colocar em prática e começar a vender pela internet com muito sucesso!

Bom, espero que eu tenha conseguido te ajudar nesse processo de montar o seu site de vendas do zero. Deixe nos comentários se este post lhe foi útil!

Leia também:

 

Não se esqueça de se inscrever na nossa Newsletter! Toda semana temos vários posts com muitas dicas e novidades para fazer o seu negócio decolar!



Compartilhe esse conteúdo!

Não perca nenhuma novidade!

Inscreva-se em nossa newsletter para receber em seu e-mail as novidades e posts recentes da iSET

Novidades iSET

Nossas redes sociais