fbpx

Não é mais novidade que o mercado brasileiro de e-commerce segue expandindo continuamente. Com mais de 70% dos brasileiros que têm acesso à internet, comprando online, é um dos melhores mercados para explorar o crescimento de seu negócio.

 

Cada vez mais as pessoas vêm gastando dinheiro em lojas na internet em vez de visitar lojas físicas. Na prática, Segundo o SEBRAE, 67% da Geração Y e 56% da Geração X compram online em vez de irem em lojas físicas, e é justamente esse público que está, ano após ano, se tornando o principal grupo consumidor.

 

Este cenário deixa bastante evidente que o mercado de vendas online, além de ter chegado para ficar, já está reescrevendo, não só a forma como vendemos nossos produtos e serviços, mas toda a forma de interação, atração de público, geração de audiência e relacionamento com nossos clientes.

 

A cada dia que passa é preciso que você seja mais eficiente, tanto em atrair novas audiências, quanto, principalmente em cativar e fidelizar aquele público que você já conquistou. Para isso, você precisa melhorar seu e-commerce constantemente, tanto com relação às suas estratégias, quanto com relação às suas ações.

 

Preparamos 5 estratégias para atrair e fidelizar os consumidores. Não perca!

 

Quero aqui trazer 5 sacadas resumidas, mas profundas, que vão te ajudar a melhorar seu e-commerce dia após dia:

Revise seu Mindset sobre a Jornada de Compra

Mindset. Você provavelmente já ouviu falar ou leu sobre isso, mas, afinal, o que é Mindset? Nada mais é do que a sua forma de pensar. E, quando se trata de vender na internet, nada mais importante do que ter um mindset alinhado com a jornada de compra ideal para para o sucesso de seu negócio online.

 

Em uma venda tradicional, numa loja física, a jornada do cliente costuma ser a seguinte:

 

  1. O cliente ouve falar sobre a loja ou passa em frente ao estabelecimento
  2. O cliente entra e é abordado por um vendedor
  3. O cliente faz uma compra e vai embora

Esse modelo de jornada de compra, conhecido como short play, é claramente o mais conhecido e utilizado, tanto para as vendas em lojas físicas, quanto online. Porém, a internet, apesar de trazer oportunidades de ampliar o alcance de suas vendas também traz uma maior concorrência e, trabalhar nesse modelo de short play, faz com que você perca muita eficiência na conversão de suas vendas, batendo de frente com sua concorrência e deixando de aproveitar o melhor que a internet pode lhe oferecer: escala.

 

Se você quer melhorar os resultados do seu e-commerce, está na hora de mudar seu mindset e focar em uma jornada de compra um pouco mais bem trabalhada.

 

Long Play é uma estratégia de vendas que foca muito mais no longo prazo, invertendo em partes a jornada de seu consumidor. Ela se baseia nas seguintes etapas:

 

  1. Você atrai seu público através de posts interessantes nas redes sociais, seja um texto ou vídeo que possa ajudar seu possível cliente a entender um pouco melhor aquilo que ele deseja adquirir, o transformando em audiência.
  2. Você engaja essa audiência, entregando mais conteúdo de qualidade em seu site, loja virtual, redes sociais ou e-mail. Sejam informações mais profundas sobre aquilo que interessa, sejam ofertas diferenciadas.  A conversão acontece naturalmente.
  3. A partir de quando você conquista mais um cliente, é quando a atenção deve se redobrar. Faça um pós-venda incrível, cative seus clientes, mantenha contato constante com eles, mostre-os como você pode ajudá-los a resolver um problema ou melhorar sua situação atual. Seja diferente e encante seu cliente a cada dia.
  4. Sempre trabalhe o cross-sell e up-sell. Ofereça outras oportunidades interessantes para cada cliente de acordo com seu perfil de compra. É muito mais fácil vender outros itens para clientes que já compraram de você, do que correr atrás de novos clientes todos os dias.
Powered by Rock Convert

Uma boa venda começa com uma boa compra

Ano após ano eu vejo vários lojistas com o mesmo desafio durante o período da Black Friday: queimar o estoque que não conseguiu vender durante o ano. Muitas vezes até faz sentido queimar esse estoque com algum prejuízo, para que se possa investir em outros itens e fazer a máquina girar.

 

Mas, a pergunta fundamental é: por que esse produto não vendeu?

 

E a resposta dessa pergunta nem sempre é simplista. Muitas variáveis podem levar um produto a não vender: saiu de moda, ficou obsoleto, não estava alinhado com o público principal da loja, o preço de venda está acima do preço de mercado etc.

 

Mas, em geral, todas essas variáveis podem ser simplificadas em uma única: se um produto não vendeu, é por que a compra poderia ter sido melhor. Mas, o que significa isso?

 

Significa que, no momento do ressuprimento de um estoque, é preciso analisar com bastante profundidade quais itens se deve comprar para ofertar ao seu público. Tudo deve ser considerado, desde a negociação do preço, até se o produto faz sentido para sua audiência. Não ignore tendências e nem caia na cilada de comprar um grande volume de um ítem que está saindo de linha só por que o preço está uma pechincha no distribuidor. Preço é importante, mas não é tudo.

 

Uma dica que eu dou para você melhorar seu e-commerce esse ano, é que você sempre utilize uma curva ABC ou, ao menos, um diagrama de pareto simplificado para entender quais produtos você deve ressuprir. Se você ainda não ouviu falar dessas duas ferramentas, talvez seja o momento ideal de pesquisar sobre elas.

 

Já possui uma loja virtual e gostaria de aumentar suas vendas? Saiba como clicando aqui!

Aprenda Marketing Digital

A importância do Marketing é algo muitas vezes negligenciado no e-commerce. Para que você consiga escala de vendas em sua loja, Marketing é a peça mais fundamental que seu e-commerce terá.

 

Irei repetir: preço é importante, mas não é tudo. Não adianta você vender um diamante ao preço de uma bijuteria, se você não tiver público, você não irá vender.

 

Sempre vejo muita gente reclamando que sua loja virtual não vende, ou que está com as vendas estagnadas, e sempre rebato com duas outras perguntas: Qual tamanho da sua audiência e o que você está fazendo para aumentá-la?

 

Em geral, a resposta dessas duas perguntas é confusa, imprecisa ou insuficiente para os resultados esperados.

 

A coisa MAIS IMPORTANTE de qualquer negócio online é audiência. Audiência pode ser resumida em tráfego. Se você não consegue trazer tráfego para se site, loja virtual, redes sociais, então, você não está fazendo o mais fundamental de suas atribuições como empreendedor de um e-commerce.

 

Para melhorar os resultados de seu e-commerce, não é somente desejável que você entenda o básico de Marketing Digital, é FUNDAMENTAL. A partir de quando você estuda e passa a entender as bases, um novo horizonte de oportunidades se abre para você e seu negócio. Sendo assim, arregace suas mangas agora mesmo e reserve ao menos uma ou duas horas por dia para aprender, ao menos, o básico deste assunto, que é um dos principais pilares do seu negócio online.

 

Você sabe exatamente o que é marketing digital, como ele funciona e quais os seus benefícios para seu e-commerce? Leia nosso post para aprender tudo sobre o assunto

Mantenha seu foco no longo prazo, mas suas ações no curto prazo

De nada adianta você ter todo o conhecimento, ferramentas e capacidade de investimento (tempo e dinheiro) em suas mãos, se você é incapaz de enxergar seu negócio a longo prazo.

 

Imagine que você está em uma viagem numa estrada. Quanto mais você acelera seu carro, mais longe você precisa passar a observar, certo? Da mesma forma é com seu negócio. Se você mantiver seu foco sempre no curto prazo, nunca estará preparado para oportunidades e ameaças que seu negócio possa ter mais adiante.

 

Aprenda a definir objetivos claros para alcançar suas metas de maneira eficiente.

 

Outro erro que muitos cometem é justamente o inverso: pensar demais no longo prazo e não executar as ações necessárias agora para que as coisas tomem o rumo desejado. Ainda mais importante que ter um planejamento de longo prazo, é tomar ações de curto prazo.

 

Anote em algum lugar que esteja sempre visível, quais são os objetivos de longo prazo para melhorar seu e-commerce e os tenha como guia para que, a cada passo dado no presente, você se aproxime do futuro que deseja para sua loja virtual.

Meça, melhore e repita

Se você ainda não ouviu falar de Ciclo PDCA, recomendo que coloque na sua lista de estudos. PDCA é um método cíclico que irá lhe ajudar a melhorar diversos aspectos em seu e-commerce. Desde questões simples até estratégias de logística, relacionamento ou de marketing, é importante que você tenha formas de medir e melhorar constantemente seus processos.

 

Tente aderir ao PDCA em ao menos um de seus principais processos a cada mês: encontre problemas, planeje suas ações, coloque em prática, verifique se os objetivos foram alcançados, corrija o que for necessário e crie um novo padrão de ação com base nesse processo. Repita.

 

Trabalhe sempre de forma a dar um passo de cada vez, no seu tempo, mas evitando ao máximo dar passos para trás. Faça isso e você conseguirá, com o tempo, melhorar seu e-commerce sistematicamente em cada um dos pontos que você precisar.

 

Conheça os 5 indicadores de desempenho mais importantes.

 

Espero que as dicas de hoje possam te ajudar a enxergar um novo horizonte de oportunidades para melhorar seu e-commerce em 2019. Se mantenha faminto por conhecimento, se mantenha sagaz por resultados.

 

Além disso, não se esqueça de inscrever-se em nosso blog para receber nossa newsletter e nos siga em nossas redes sociais para ficar por dentro das novidades: TwitterFacebookInstagram e Youtube.

 

Um abraço!

Conheça os 5 erros mais comuns no e-commerce e como resolvê-los!


Comentários

Comentários

Paulo Pina
Sou Empreendedor há 15 anos e CEO da iSET. Responsável por todo processo decisório além das estratégias de negócio e e-commerce. Nas horas vagas sou inventor na Vixon Jukebox.
Post criado 8

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo