5 dicas de marketing digital para Black Friday

O Black Friday tornou-se uma das principais datas do e-commerce brasileiro. No ano passado, a data foi responsável pelo faturamento de R$ 2,1 bilhões. São números expressivos, contudo, só obtém os resultados esperados aqueles negócios que desenvolvem um bom planejamento, são verdadeiros em suas promoções e apresentam um bom marketing digital para o Black Friday.

 

No post de hoje vamos dar sugestões para planejar suas ações de marketing digital para a ocasião. Quais pontos focar e como dar início à estratégia para a sexta-feira mais esperada do e-commerce. Boa leitura!

Black Friday: marketing digital é a solução?

Sim, as metodologias e ferramentas do marketing digital são fundamentais para alcançar resultados satisfatórios. Vamos aos pontos-chave!

1. Analise seus dados anteriores

Caso já tenha participado das edições anteriores, possivelmente algumas informações foram armazenadas. Reúna todos os dados referentes às vendas concretizadas, conversões e comportamento do consumidor. A análise vai ajudar a entender o que funcionou bem e o que precisa ser revisto nesta edição.

 

Entre eles é possível destacar:

 

  • quantidade de vendas concretizadas;
  • taxa de rejeição;
  • acessos (total e número de acessos simultâneos);
  • conversões;
  • total vendido e o lucro;
  • ROI das ações de marketing;

O objetivo desse histórico é apontar o caminho a seguir, prever as ações do e-commerce, antecipar-se às necessidades do consumidor, entre outras possibilidades.

2. Defina a persona

A persona traz informações semifictícias daquele que seria o cliente ideal para seus produtos ou serviços. Nada impede que os gestores modifiquem a persona especificamente para o Black Friday, atribuindo características para aqueles consumidores que buscam na data uma forma de economizar.

3. Desenvolva o planejamento operacional

Estude seu negócio, o mercado, o público e a ação dos concorrentes para elaborar seu próprio planejamento. Comece determinando objetivos, depois defina quais processos serão realizados e como serão conduzidos. Desde a separação de produtos até o envio, tudo deve ser feito para garantir a agilidade e bom atendimento.

 

É importante ressaltar que a atenção desprendida para o cliente na Black Friday deve ser a mesma de outras ocasiões. Dessa forma, o cliente retorna e ainda indica para outras pessoas.

4. Escolha quais canais de comunicação vai utilizar?

Os canais de comunicação permitem que a empresa possa apresentar suas propostas, captar clientes, acompanhar a jornada de compra, resolver seus questionamentos etc. Atualmente, há uma gama de possibilidades, em especial as redes sociais. Contudo, a escolha vai depender de fatores como:

 

  • perfil do público/persona;
  • recursos para investir (tempo, pessoa, dinheiro, entre outros);
  • audiência que pretende gerar e previsão de retorno;
  • necessidades do nicho de atuação e do negócio;
  • concordância com o planejamento operacional.

Temos redes sociais, anúncios nos buscadores, blogs para publicar conteúdo, email marketing, remarketing, entre outros canais de comunicação. Eles são importantes para o posicionamento da marca, captação e fidelização de clientes. Por isso, com a escolha acertada é possível se comunicar efetivamente com o público.

 

Nesse contexto, faz-se fundamental a seleção de meios que oferecem versatilidade, dinamismo e formas de mensuração, bem como um discurso externo unificado.

 

5. Estabeleça qual tipo de conteúdo vai produzir

O conteúdo é o cartão de visitas das empresas que atuam no meio digital. A partir dele é possível cativar o cliente, “conversar” com ele e apresentar suas soluções. As técnicas SEO (Search Engine Optimization) se mostraram muito eficientes para o Black Friday. O ideal é definir um editorial para a data, com palavras-chave relacionadas ao tema, com boa incidência e que refletem a “cara” do negócio. Utilize o Google Trends para entender quais os termos mais procurados e quais podem servir para o seu conteúdo.

 

Cuidado também com títulos, subtítulos, tags, imagens e demais elementos positivos para a estratégia. O conteúdo é a chave para construir um bom relacionamento com o público, mas nem sempre seus resultados são imediatos. Daí a necessidade de começar a produção ainda em outubro.

 

Vale ressaltar que o marketing digital para o Black Friday é a principal forma do empreendimento de se destacar em meio a essa chuva de ofertas. Por isso, planejamento e a mensuração dos dados são pontos que não devem ser negligenciados. Bater nessa tecla é a diferença entre vender bem ou não.

 

Gostou do que leu? Comente o que achou para que possamos saber a sua opinião!


Comentários

Comentários

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on email

Não perca nenhuma novidade!

Inscreva-se em nossa newsletter para receber em seu e-mail as novidades e posts recentes da iSET

Novidades iSET

Nossas redes sociais